Header Ads

AMAJU e Semasp deixam Parque Ecológico para que Fundação Monsenhor Murilo o assuma em Juazeiro


Após reunião com o Conselho Municipal de Meio Ambiente, foi decidido que a Autarquia Municipal de Meio Ambiente de Juazeiro do Norte (AMAJU) e a Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos (Semasp) devem devolver a gestão do Parque Ecológico das Timbaúbas a Fundação Monsenhor Murilo. A mudança terá como objetivo devolver a estrutura do Parque das Timbaúbas, de modo integral, a sua função original, ou seja, a Educação Ambiental. 

De acordo com Eraldo Oliveira, superintendente da autarquia, a AMAJU e a Semasp devem ter sua sede deslocada para o Centro Multiuso no centro da cidade, junto ao prédio do Vapt-Vupt. Segundo ele, o objetivo central do local deve ser retomado. 

“A estrutura foi construída com recursos do IBAMA, que vinha se desviando dos objetivos para os quais foi edificada, ou seja, a Educação Ambiental. Então o prefeito Glêdson Bezerra decidiu que a secretaria sai do Parque Ecológico e vai para o Vapt-Vupt, deixando o espaço para o retorno das atividades de Educação Ambiental no local”, disse. 

Eraldo afirma que a Fundação Monsenhor Murilo – Escola Ambiental, estava completamente aniquilada, e que com essa decisão a entidade sai do organograma da pasta e volta a sua origem, com autonomia administrativa e financeira, retomando a sua vinculação com a Secretaria de Educação. “Além de cuidar dos projetos e captação de recursos, a fundação terá papel importante na gestão do Parque Ecológico das Timbaúbas em sua concepção mais ampla, pois que sua importância não é apenas lazer, mas a proteção dos mananciais hídricos”, completa. 

Para o cargo administrativo desta nova gestão da fundação, será nomeada a professora Tânia Pinheiro, que juntamente com a AMAJU e Seduc estarão à frente da gestão compartilhada do Parque Ecológico. “O impacto dessa decisão terá seus efeitos nas presentes e futuras gerações, já que sua vertente pedagógica alcançará todo o corpo discente e docente do município”, conclui o superintendente da AMAJU.

(Fonte: Site Badalo)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.