Header Ads

Depois de Mombaça, Santa Quitéria decreta lockdown de serviços não essenciais

O prefeito de Santa Quitéria, Braguinha, esteve reunido com o secretário de saúde local Adeilton Mendonça e representantes da sociedade civil. Foto: Reprodução/redes sociais

O município de Santa Quitéria, na Região Norte do Ceará, iniciou a partir de 0h desta quinta-feira (25) até o próximo dia 4 de março, "lockdown" de serviços considerados não essenciais.

A estratégia sanitária considera o "crescente aumento do número de casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus", justifica o decreto assinado pelo prefeito José Braga Barrozo. O gestor ponderou que participou de reunião com o secretário de Saúde Adeilton Mendonça, a Polícia Militar, a CDL e o Poder Legislativo para traçar "sugestões mais rígidas no combate à Covid-19". 

Segundo a plataforma IntegraSUS, a cidade concentra até as 16h46 dessa quarta-feira (24), 2.312 pacientes com Covid e 23 mortes em decorrência de complicações clínicas da doença. Não ocorreram confirmações de novos óbitos nas últimas 24 horas. 

Veja os serviços que não poderão funcionar durante o lockdown

Bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos do gênero alimentício
Templos, igrejas e outras instituições religiosas
Museus, cinemas, e outros equipamentos culturais públicos e privados
Academias, clubes, centros de ginástica e estabelecimentos similares
Lojas e comércio
Galeria/centro comercial com exceção de farmácias e locais que prestem serviço de saúde
Indústrias, com exceção do ramo farmacêutico, alimentício, de bebidas, produtos hospitalares ou laboratoriais, obras públicas, gás, energia, água mineral, produtos de limpeza, higiene pessoal, bem como os fornecedores e distribuidores

Também ficam interrompidos

Visitas a lagoas, rios, piscina pública ou quaisquer outros locais de uso coletivo e que permitam aglomeração de pessoas
Operação do serviço de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros por vans ou micro-ônibus, regular ou complementar.

Atividades não afetadas pela medida

Órgãos de imprensa e telecomunicação em geral;
Call center;
Estabelecimentos médicos, odontológicos e clínicas veterinárias
Laboratórios de análises clínicas
Distribuidores de água, gás, energia elétrica, provedores de internet, segurança privada
Postos de combustíveis
Bancos e lotéricas
Padarias
Lavanderias
Supermercados/Congêneres

Restrições em Mombaça 

O município de Mombaça, no Sertão Central, também decretou lockdown até o dia 1º de março. Na prática, todas os serviços que não têm caráter essencial deverão paralisar as atividades. A circulação de pessoas só está liberada para trabalho, unidades de saúde ou situação excepcional justificável.

(Fonte: Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.