Header Ads

INSS vai realizar mutirão para reduzir fila do auxílio BPC

A análise do benefício é pela renda bruta mensal familiar, que deve ser limitada a 25% do salário mínimo por pessoa da família Foto: JL Rosa

Para diminuir a fila do auxílio BPC para pessoas com deficiência, o INSS vai realizar um mutirão de análises. A medida se soma a outras que o instituto previdenciário têm tomado para reduzir a fila de mais de 1,2 milhão de pedidos. As informações são da Folha de São Paulo. 

Segundo o INSS, o foco do mutirão são as avaliações sociais. Vão ser realizados agendamentos diários, fora do horário normal de trabalho dos assistentes sociais, além de atendimentos aos sábados. Ainda não há data para o início do mutirão.

A análise do benefício é pela renda bruta mensal familiar, que deve ser limitada a 25% do salário mínimo por pessoa da família. 

Pedidos em análise 
Há ainda mais de 500 mil pedidos que dependem do segurado enviar documentos para serem analisados. Inclusive, é preciso ter cuidado com o estado dos documentos, não podem estar rasurados. Além disso, exames e laudos têm de estar devidamente assinados pelo médico. 

Outra iniciativa para diminuir o estoque é a Central Especializada de análise do BPC para a pessoa com deficiência, com 1.300 servidores para a análise administrativa. 

O tempo médio de concessão do BPC atualmente é de 98 dias. O INSS espera reduzir o tempo para 90 dias até junho. 

Já com o objetivo de agilizar a liberação do BPC da pessoa idosa, foi implementada a análise automatizada pelo Meu INSS. Dessa forma, o candidato ao benefício pode enviar cópia simples da documentação, sem precisar ir à agência com seu documento original.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.