Header Ads

Morre o ex-prefeito do Crato, Moacir Siqueira, vítima da Covid-19


Por Redação Gazeta do Cariri

Faleceu na tarde desta quarta-feira (10), o ex-prefeito do Crato, Moacir Soares de Siqueira. "Joinha", como era carinhosamente chamado, foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São Miguel, no dia 01 de fevereiro, após sentir uma indisposição. Ele foi submetido a teste da Covid-19, que deu positivo para a doença, iniciando uma batalha pela vida. 

Infelizmente essa luta chegou ao fim, encerrando a trajetória de um homem bastante querido pelos cratenses, e que apesar da idade, continuava bastante ativo, indo trabalhar todos os dias na sua revendedora de pneus.

Moacir chegou ao posto de prefeito cratense em 1998 com o falecimento na metade do mandato do titular do cargo Raimundo Bezerra. Tentou a reeleição, mas foi vencido à época pelo também ex-prefeito Walter Peixoto.

Joinha parte deixando os filhos Sandra, Mônica, Sayinara, Vera e Moacir Filho.

Após a morte de Moacir, o Crato declarou luto oficial de três dias. Veja a nota do município: 

Hoje (10) o Crato está de luto. Perdemos não só o ex-prefeito do Crato, Moacir Soares de Siqueira, que prestou relevantes serviços à municipalidade e a população cratense, mas um homem simples, de coração gigante e que tinha um vasto círculo de amigos que ficam órfãos de Joinha, como era mais conhecido. Um grande incentivador do esporte, Moacir era um cratense de coração, que adotou essa terra como sua. Natural de São José do Egito – Pernambuco, nasceu dia 14 de agosto de 1933. Foi presidente do Esporte Clube do Crato e atleta da Seleção Cratense; presidente da FUNDEL na gestão de Antônio Primo de Brito 1993/1996; Vice-prefeito do Crato 1997até 15/10/1998; e prefeito do Crato de 1998 a 2000. Foi membro do Rotary e da Maçonaria.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.