Header Ads

Casas de comunidade na zona rural de Jati recebem melhorias para prevenção da doença de Chagas

FOTO: Canal Brasil Simples

A doença de Chagas afeta mais de oito milhões de brasileiros, sendo comum em áreas rurais. É uma doença causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi e transmitida por insetos conhecidos como barbeiros ou chupanças, o protozoário que causa a doença é eliminado pelo barbeiro em suas fezes. Quando a pessoa que leva uma picada do inseto coça esse local, pode levar as fezes eliminadas pelo inseto para a região da ferida. Assim, o protozoário acaba entrando na corrente sanguínea da pessoa, causando a doença de chagas. Os sintomas da doença apresentam: febre; mal-estar; inchaço localizado no local da picada do barbeiro; inchaço nos olhos; dor no corpo; dor na cabeça; vômitos; diarreia; cansaço; podendo causar complicações no sistema digestivo e no coração.

A principal forma de prevenção é a utilização de mosquiteiros ou telas para evitar que o barbeiro entre nas residências.

Por isso, a Prefeitura de Jati em parceria com o Ministério da Saúde/FUNASA, está realizando melhorias nas residências da comunidade Mãe d’água, com a construção de moradias adequadas para as famílias, visando garantir a saúde da população e prevenir a doença de Chagas. Além destas melhorias é necessário que a população se previna com a utilização de repelentes e roupas de mangas longas.

"A prevenção a doença de chagas é fundamental principalmente no momento que estamos vivenciando, com a pandemia os hospitais estão lotados para atender os pacientes da Covid-19, por isso, precisamos intensificar os cuidados com as outras doenças para evitar o agravamento da superlotação das instituições de saúde. A doença de chagas mata, vamos nos prevenir.", disse a prefeita de Jati, Mônica Mariano.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.