Header Ads

Chega a 16 o número de municípios do Cariri em estado de calamidade pública por causa da Covid-19; veja lista

Centro do Crato

Deputados cearenses estenderam o estado de calamidade pública a 79 municípios do Estado na sessão desta quinta-feira (4) da Assembleia Legislativa do Ceará. Até então, 46 cidades estavam nesta situação devido à segunda onda da Covid-19. Com a decisão de hoje, os parlamentares resolveram incluir mais 33. Agora, as prefeituras podem aumentar gastos e fazer compras sem licitação para o combate à pandemia.

No Cariri, 16 municípios estão na lista:

Antonina do Norte
Tarrafas
Nova Olinda
Mauriti
Araripe
Salitre
Várzea Alegre
Brejo Santo
Assaré
Altaneira
Barbalha 
Barro 
Campos Sales
Porteiras
Milagres
Crato

Ainda em 18 de fevereiro, os deputados atenderam pedido de calamidade de 11 prefeituras. Na sessão do dia 25 de fevereiro, mais 35 foram incluídas na lista. No ano passado, durante a primeira onda da Covid-19, 170 cidades cearenses – das 184 – decretaram estado de calamidade. 

O pedido é feito pelo município. O ato é avaliado na Assembleia, que considera se a situação enfrentada pelo município corresponde a um desastre natural, econômico ou social e se a capacidade de ação do poder público está comprometida.

Com autorização do Legislativo estadual, os prefeitos podem, então, tomar empréstimos compulsórios, parcelar dívidas do município, atrasar a execução de gastos obrigatórios e antecipar o recebimento de receitas. Além disso, os municípios ainda podem dispensar licitações de obras e serviços. De forma geral, pode-se aumentar os gastos públicos sem atenção à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

(Fonte: Diário do Nordeste)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.