Header Ads

Covid-19: pacientes morrem por falta de leito de UTI no Sertão do Araripe

Cidade de Ouricuri, no Sertão do Araripe, em Pernambuco. Foto: Geraldo Junior Oliveira

Com a capacidade de ocupação de leitos de UTI oscilando entre 90% e 100%, aumenta a preocupação com a situação de colapso no sistema de saúde da região do Vale do São Francisco, em Pernambuco. Na cidade de Ouricuri, no Sertão do Araripe, duas pessoas faleceram com quadro grave da Covid-19 à espera de leitos na terapia intensiva.

Uma mulher de 78 anos, que residia na zona rural da cidade, teve parada cardíaca e não resistiu. Outra vítima foi um homem de 29 anos que faleceu com infecção generalizada quando também aguardava transferência para um leito de UTI desde a última quinta-feira (18). A direção da unidade de saúde em que ele estava já havia conseguido colocar o paciente na regulação, porém, momentos antes da transferência, ele foi a óbito.

São 44 pacientes à espera de transferência para uma vaga de UTI. São 26 pacientes da Bahia e 18 de Pernambuco. A Rede Peba, que é composta por 53 municípios, atende a uma população de quase dois milhões de habitantes.

Posicionamento do Estado
Por meio de nota, a Secretaria de Saúde de Pernambuco (SES-PE) informou que não há, até o momento, registro de morte de pacientes com quadros sugestivos, ou confirmados, da Covid-19 por falta de assistência médica, de oxigênioterapia, ou suporte ventilatório, nas unidades da rede pública estadual.

A SES reforçou que, enquanto aguardam momentaneamente a liberação dos leitos, os pacientes são efetivamente assistidos em unidades de saúde da rede estadual que contam com estrutura de suporte avançado para os pacientes com quadros graves da doença.

(Com informações da Rádio Jornal Petrolina e NE 10)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.