Header Ads

Número de cearenses com nível superior presencial mais que dobra em 10 anos

Matrículas em cursos de graduação tiveram um aumento significativo, especialmente no interior do Estado, conforme os dados do estudo realizado pela Secitece. FOTO: José Leomar

O número de cearenses com nível superior presencial mais que dobrou no período de 10 anos, entre 2010 e 2019, passando de 352.253 para 784 mil graduados no Estado. De acordo com a Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), do Governo do Estado, o salto foi de 122,6%.

Conforme os dados do estudo realizado pela Secitece, o número de matrículas em cursos de graduação teve um aumento significativo, especialmente no interior do Estado.

De 2008 a 2019, aponta o levantamento da instituição, houve um crescimento de 176,2% de pessoas matriculadas, passando 35.252 para 97.360.

EaD

No que diz respeito ao nível superior na modalidade de Ensino à Distância (EaD), o número aumentou mais de seis vezes: de 2010 a 2019, o crescimento foi de mais de 600%, com um aumento de 9.646 para 70.738 estudantes de graduação e especialização.

Mestre e doutores

De 2008 a 2019, o número de professores que alcançaram o doutorado mais que triplicou, passando de 1.739 para 5.852 docentes. O crescimento foi de 139,7%.

Já o número de mestres dentro das instituições de ensino superior quase dobrou, indo de 3.241 para 6.084 professores com mestrado. O incremento foi de 87,7%.

Pós-graduação

A oferta de pós-graduação para os cearenses também mais que dobrou, apresentando salto de 112%: de 3.756 em 2008 para 7.987 matriculados em cursos de pós-graduação em 2019.

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.