A iniciativa do Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS) de Crato, apresentada nesta terça-feira (18 de janeiro de 2022), recebeu o apoio da vereadora Mariângela Bandeira. O projeto conta com entidades e lideranças ligadas ao movimento que luta contra a exclusão social e a violência praticadas diariamente contra pessoas transgêneras no país.

Para o professor Gilney Matos, coordenador do Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos, esta iniciativa visa amenizar as estáticas apresentadas pelas ONG's do Brasil, que 90% da população encontra-se na prostituição como única fonte de renda. O projeto faz parte de uma conjunto de ações Regional do Programa Regional de Empregabilidade de Pessoas Travesti e Transexuais do Cariri- PROTRANS.

Post a Comment