Estão bem avançadas as tratativas entre União Brasil e PL no Ceará para que o ex-deputado federal Raimundo Gomes de Matos seja indicado como candidato a vice-governador na chapa de Capitão Wagner na disputa ao governo do Estado. A indicação do vice cabe ao partido de Bolsonaro, mas, até aqui, não havia uma indicação.

A coluna do jornalista Inácio Aguiar apurou com fontes do PL e confirmou com o comando do União Brasil que as tratativas estão avançadas para a composição da chapa majoritária. Os diálogos para definir o candidato ao Senado, entretanto, ainda estão em andamento na coligação de oposição no Ceará.

Raimundo Gomes de Matos é uma figura já conhecida na política cearense. Ele é médico e natural de Fortaleza. Após exercer cinco mandatos de deputado federal pelo PSDB, o agora ex-parlamentar se filiou ao partido do presidente Jair Bolsonaro de olho nas eleições de outubro.

Antes de o presidente estadual do Partido, Acilon Gonçalves, anunciar o apoio à pré-candidatura de Capitão Wagner, Matos chegou a ter o nome cogitado para uma possível candidatura própria do PL ao governo do Estado.

Após o anúncio da parceria com o União Brasil, no nome dele aparece como favorito para ser o candidato a vice na chapa. O martelo será batido nos próximos dias.

Até o momento, a coligação encabeçada por Wagner tem respaldo dos seguintes partidos: União Brasil PL, Podemos, PTB, Pros e Avante. Ainda há tratativas com outros partidos como o Republicanos. Independentemente dos últimos acordos, a coligação poderá ir ao embate com o maior tempo de TV entre os candidatos ao governo do Estado.

Fonte: Diário do Nordeste

Post a Comment