O Ceará contabilizou, até este domingo (16 de outubro de 2022), 413 casos confirmados de varíola dos macacos em 33 municípios, conforme dados do "Painel de Monitoramento dos Casos de Monkeypox", disponível no IntegraSUS.

Além dos casos de residentes, ainda existem registros de um morador da Bahia e um do Piauí diagnosticados no Estado.

Fortaleza concentra a maioria dos casos, com 318 pessoas diagnosticadas com a doença. Em seguida aparecem as cidades de Caucaia (16) e Maracanaú (12), Itaitinga (9) e Eusébio (6), todas na Região Metropolitana. Já no interior, a cidade de Juazeiro do Norte se destaca, com cinco diagnosticados.

Perfil dos pacientes
Homens na faixa etária de 30 a 39 anos aparecem entre a maioria dos casos confirmados de Monkeypox, com 152 ocorrências neste grupo.

Entre as mulheres, a faixa etária de 20 a 29 anos teve 14 casos. Já em crianças de 0 a 9 anos foram contabilizados 8 diagnosticados, sendo 5 meninas e 3 garotos.

Os três principais sintomas relatados nos pacientes são:

erupção cutânea;
febre e
lesão genital/perianal

Fonte: g1 CE

Post a Comment